Proteínas funcionais para dietas com baixo teor de farinha de peixe

phileo

A produção de rações aquáticas ultrapassou 40 milhões de toneladas globalmente, exigindo um aumento na quantidade de proteínas de alta qualidade. Fornecimentos estagnados de farinha de peixe, combinados com um aumento dos preços das matérias-primas, estimularam a adoção de ingredientes alternativos à base de plantas e ingredientes processados. Novas fontes de proteínas, como farinha de insetos, proteínas, leveduras e algas unicelulares, também estão aumentando.

 

Os resultados negativos mais frequentes ao substituirmos a farinha de peixe são a redução da atração e palatabilidade das rações, o que pode levar a menor consumo alimentar, resultando na diminuição de aminoácidos essenciais e digestibilidade energética. Isso pode resultar em desempenho inferior dos peixes, alteração na eficiência alimentar e redução de micronutrientes essenciais e ácidos graxos.

 

Adicionalmente, ingredientes alternativos podem carregar fatores antinutricionais, como saponinas, taninos, lectinas, etc. Estes compostos não são completamente inativados ou destruídos durante o processamento da ração, causando, potencialmente, distúrbios metabólicos agudos ou crônicos. A enterite induzida pela soja no salmão do Atlântico é um exemplo bem conhecido de como um ingrediente de rações pode afetar a saúde intestinal ao iniciar um processo inflamatório.

picto aquicultura

Promoção de estratégias de substituição de farinha de peixe com Prosaf®

Phileo dash

Fontes de proteína funcional, como o Prosaf®, podem desempenhar um papel importante na promoção de estratégias de substituição de farinha de peixe, ao melhorar a palatabilidade da ração, aumentar a digestibilidade com aminoácidos essenciais altamente biodisponíveis e, potencialmente, promover a melhora do status da saúde intestinal. O Prosaf® é um extrato de leveduras purificadas rico em proteínas, obtido da cultura primária de uma cepa proprietária da levedura Saccharomyces cerevisiae. O Prosaf® contém mais de 63% de proteínas, a maioria das quais consistem em aminoácidos essenciais, ácido glutâmico, ácidos nucleicos e peptídeos de baixo peso molecular.

dietas com baixo teor de farinha de peixe e prosaf na aquicultura
digestibilidade do prosaf

Fornecimento de alta digestibilidade e biodisponibilidade

Phileo dash

O Prosaf® tem 46% de seus aminoácidos em forma livre, fornecendo alta digestibilidade e biodisponibilidade comprovadas em camarões.

 

Digestibilidade aparente dos aminoácidos essenciais do Prosaf® para o camarão L. vannamei (Estudo in vivo: Sparos Lda – Portugal) – figura 1.

 

Digestibilidade de proteínas totais de rações suplementadas com Prosaf® em camarões (Estudo in vivo: Universidade Prince of Songkla – Tailândia) – figura 2.

Aumento da digestibilidade com Prosaf®

Phileo dash

Devido à sua pureza, o Prosaf® tem digestibilidade superior na truta arco-íris, comparada a extratos de leveduras regulares, e pode ser uma fonte mais concentrada e nutrientes essenciais.

 

Níveis totais e digestíveis das proteínas brutas (figura 1) e aminoácidos (figura 2) do Prosaf® comparados a um extrato de leveduras comuns na truta arco-íris Onchorhynchus mykiss (Estudo in vivo: Sparos Lda – Portugal).

Digestibilidade do Prosaf na truta arco-íris
prosaf aquicultura

Estímulo do consumo alimentar com Prosaf®

Phileo dash

O alto nível de aminoácidos livres, especificamente ácido glutâmico, alanina, arginina e glicina, fornece ao produto grande capacidade de estimular o consumo alimentar, comparado a dietas com baixo teor de farinha de peixe em camarões.

 

O efeito do Prosaf® sobre a preferência do consumo do camarão L. vannamei em dietas com baixo teor de farinha de peixe. Uma dieta rica em farinha de peixe (12%) comparada a uma dieta com baixo teor de farinha de peixe (3%) (figura 1).
Dieta com baixo teor de farinha de peixe (3%) comparada a uma dieta com baixo teor de farinha de peixe suplementada com 2% de farinha de lula (figura 3).
Dieta com baixo teor de farinha de peixe (3%) comparada a uma dieta com baixo teor de farinha de peixe suplementada com 2% de Prosaf® (Estudo in vivo; Labomar – Brasil) (figura 3).

Melhoria das taxas de conversão alimentar com Prosaf®

Phileo dash

Aminoácidos altamente digestíveis, combinados com uma resposta alimentar consistente, resultam em melhor conversão alimentar.

 

® Efeito da suplementação sobre a conversão alimentar em camarões alimentados com dietas com baixo teor de farinha de peixe (Estudo in vivo: Universidade Prince of Songkla – Tailândia) (figura 1)
Efeito da suplementação com Prosaf® sobre a taxa de conversão alimentar no achigã (Estudo in vivo: Universidade Yangtze – China) (figura 2)

Taxa de conversão alimentar do Prosaf na aquicultura

Saiba mais sobre manejo em aquicultura

prevenção de doenças
Manejo do estresse na aquicultura

Artigos

Sorry, no posts matched your criteria.